segunda-feira, 26 de maio de 2014

Se chove lá fora...


... fica todo mundo ''largado'' dentro de casa!
Assim foi nosso #fimdesemana.

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Não é uma dorzinha, é cólica!!!!


Embora nunca tenha ''parido'', esta é a sensação que tenho todo mês ao entrar no período menstrual.
Até 'ontem', após consulta com uma 'Mestre em Ginecologia' eu tinha a convicção de que iria 'morrer' com essa dor, que não havia causa ou cura para tanto 'calvário'. 
Enfim, exames marcados e ansiosa para ''descobrir'' logo o que tenho (sim, já estou certa de que algo está errado comigo) para então fazer o tratamento que for necessário e poder (se Deus quiser) seguir meus planos (sonhos) em frente.

..............................
Palavras do Dr. Drauzio Varella em uma série de reportagem no 'Fantástico' sobre a endometriose: "Dores ginecológicas fortes não são normais, mulher nenhuma deve ser obrigada a se acostumar com elas. Normalmente a cólica menstrual é desagradável, incomoda, mas melhora com medidas caseiras e medicamentos comuns. Dor muito forte, insuportável é sinal de algum problema. Algum distúrbio ginecológico que deve ser diagnosticado e tratado".

ENDOMETRIOSE - Saiba mais aqui! 


QUAIS SÃO OS SINTOMAS FUNDAMENTAIS QUE TE LEVAM A SUSPEITAR DE ENDOMETRIOSE?
- cólica menstrual (geralmente severa e incapacitante)
- dor nas relações sexuais
- dor entre as menstruações
- alterações intestinais durante a menstruação
- alterações urinarias durante a menstruação (dor ou alteração no hábito)
- infertilidade
(Dr. Mauricio Abrão - Coord. do Setor de Endometriose do Hospital das Clínicas)

Veja também os vídeos sobre o assunto:


quinta-feira, 15 de maio de 2014

Tire o pó... se precisar

Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!
fonte da imagem: google
Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!
Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!
Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever “Eu te amo” sobre os móveis!

fonte da imagem: google
Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso “alguém aparecesse para visitar” – mas depois descobri que ninguém passa “por acaso” para visitar – todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!
E agora, se alguém aparecer de repente?
Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém…
…as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida…
Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA… APROVEITE-A!!!

fonte da imagem: google
Tire o pó… se precisar…
Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !
Tire o pó… se precisar…
Mas você não terá muito tempo livre…
Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!!
fonte da imagem: google
Tire o pó… se precisar…
Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente….
- Pense bem, este dia não voltará jamais!!!
Tire o pó… se precisar…
mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora…
E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!!
Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.
AFINAL:
“Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida.”
fonte da imagem: google

Cólica é normal! Não, não é normal!!!!

Durante 16 anos de ''vida menstrual'' convivo com esse incomodo severo, mês a mês. Dor intensa na região pélvica, costas, pernas, enxaqueca... tudo junto e misturado!!!!


 Daí que a gente vai procurar o ''especialista'' na área ginecológica e este, com todo seu conhecimento e competência (sqn)  indica os exames para diagnosticar a ''causa de tanta dor''. Mas não indica o exame específico!!! E... durante todo esse tempo, ouço a mesma coisa: "seus exames estão normais", "não tem nada errado'', ''sua cólica é normal'' (Oi?!), "toma essa medicação que vai passar"... NÃO PASSOU, PIOROU!!!
Depois de longos 16 anos (sim, 16 anos!) de dor intensa, indisposição, TPM, problemas pessoais e no trabalho... e outros inúmeros causados pela cólica mensal, decido ir atrás de outra especialista (a sexta ou oitava na minha carreira) e esta, sem 'meias palavras', diz tudo que eu queria (ou deveria) ter ouvido à dez anos atrás:
- Você pode ter ENDOMETRIOSE;
- Você pode ter MIOMAS;
- Você pode ter SÍNDROME DOS OVÁRIOS POLICÍSTICOS;
- Você pode ter ''X'' problemas que estão causando essa dor insuportável impedindo que consiga ENGRAVIDAR!!!

RESULTADO: muitos exames para fazer (dessa vez, exames específicos com 100% de chance de diagnosticar a causa).

E AGORA???
- Agora é ''correr atrás do prejuízo'', fazer os exames e... caso algum tenha resultado negativo (aquele que não gostamos de ouvir) é fazer o possível (e o impossível) para reverter a situação.


("E de repente... tudo ficou assim... de pernas pro ar!")